Pular para o conteúdo

6 dicas de vendas para atrair clientes

Mais do que buscar clientes, o mais rentável é atraí-lo

A gente sabe que a venda é uma das partes mais importantes de qualquer negócio, ouvimos sempre que devemos ter uma prospecção ativa. E, com certeza, nunca devemos deixar de buscar clientes e ir até eles. Mas existem outras técnicas tão importantes quanto e que geram muitos resultados.

Pois se você só correr atrás de clientes, vai ficar sempre na caça ao tesouro, achando um aqui e outro ali. E esse não é o mais eficaz, pois perde-se muito tempo e demanda muita energia para obter poucos resultados. Por isso é sempre bom utilizar em conjunto, outras estratégias, que te ajudam a ter recorrência e procura, também. O ideal é que a sua marca seja atrativa aos olhos dos clientes e vamos te dar algumas dicas nesse artigo para você mudar esse jogo.

 

As melhores estratégias para atrair mais clientes

As técnicas que vamos te ensinar tem dois objetivos: atrair clientes e melhorar a taxa de conversão de vendas. Para a sua equipe comercial conseguir esses resultados, será preciso desenvolver algumas habilidades como: chamar a atenção do cliente, ser persuasivo, criar um bom conteúdo, conforme os interesses da sua persona.

O primeiro passo é saber o que o seu público consome, qual é a necessidade dele, quais os anseios e dificuldades. Só assim, irá construir uma boa abordagem e um bom produto para o seu cliente. Principalmente, nesse período que você mais busca cliente do que atrai. 

Simultaneamente, você precisa criar um conteúdo que atraia a sua audiência, que ela se identifique, se conecte e que faça da sua comunicação um diferencial competitivo. Até porque, não tem como você obrigar as pessoas a verem o conteúdo que você criou e, também, não vale a pena criar um conteúdo que ninguém irá ver. Você precisa ir conquistando a sua audiência aos poucos, até ela comprar a sua ideia, se apaixonar pela sua marca e pela sua solução.

Sabemos que a audiência está disposta a te ouvir quando ela vira seu lead, ou seja, te passa um contato direto para que você se comunique com ela. Normalmente, esse contato é o email, já que é possível trabalhar os fluxos de forma personalizada, analisando a taxa de abertura entre outras ferramentas úteis. Por isso, sempre peça o email do seu público e construa sua lista, perceba: a maioria das compras é iniciada com um email.

Busque a maior quantidade de lead possível, mas que seja de acordo com a sua persona. Só assim, irá conseguir nutrí-lo e qualificá-lo até a venda. Inclusive, vamos te dar dicas de estratégias que você pode utilizar em seus email para gerar valor percebido na solução que a sua empresa entrega, ainda nessa primeira parte da jornada do cliente. 

Depois dessa etapa é preciso que sua equipe foque na taxa de conversão, que irá direcionar os seus colaboradores sobre o quanto o seu público conhece o seu produto ou serviço, o quanto a sua mensagem chega até eles a ponto de fecharem a compra. Pois é nessa etapa que os seus leads se transformam em clientes. Até porque, não adiantaria conseguir muitos leads e perdê-lo por não ter uma boa taxa de conversão. Por isso, é sempre bom ficar de olho em todas as métricas do processo, sendo mais fácil identificar os gargalos.

Focando em converter os leads que já possui, assim, investindo esforços no que irá gerar resultados mais rápido, muitas empresas só focam em captar mais e mais leads e esquecem de fazer o seu acompanhamento e nutri-lo, mesmo sendo essa estratégia mais econômica financeiramente. Além disso, se sua taxa de conversão for baixa, suas vendas serão baixas, mesmo captando cada vez mais leads, porque o problema está nessa etapa, impedindo o fechamento. Como contornar isso.

 

  • Tenha clareza

Você precisa ter domínio de qual técnica de vendas mais se encaixa no seu negócio, qual o perfil de negociação do seu cliente. Como em todo negócio, é preciso que todos ajam como 

vendedores. Faça pesquisa para saber tudo sobre a necessidade do cliente, qual o gargalo do mercado, como quebrar suas objeções, como ter as melhores ferramentas para executar bem todo o processo. Crie estratégias, metas e prazos. Isso dará senso de urgência à sua equipe.

 

  • Tenha uma persona bem definida

Conheça tudo sobre o seu cliente, não só informações básicas, mas interesses, hábitos, o que gosta, o que não gosta, quais são suas motivações e dificuldades. Isso te norteará em como será cada abordagem, em quanto tempo, como e em quais canais. Sua equipe irá precisar saber lidar com seus clientes, diversas situações e conquistar, também, a sua confiança. É preciso ter dados para agir com assertividade, investindo energia em quem realmente tem interesse na sua solução. E, também, evita que sua equipe fique desmotivada por não ter sucesso na maioria das tentativas de vendas.

 

Mais do que buscar clientes, o mais rentável é atraí-lo
Mais do que buscar clientes, o mais rentável é atraí-lo
  •  Foco na solução

Demanda toda a energia da sua equipe comercial em aprimorar cada vez mais os produtos.  Não só entregar um bom produto, mas uma boa experiência, um bom atendimento e construção de relacionamento. Não foque no produto na abordagem de vendas, mas como ele soluciona o problema e como fará a diferença na vida do cliente. Foque na solução que o seu produto entrega e não nas qualidades dele. Os resultados são bem mais valorizados que os processos, certo?

 

  • Esteja nas redes sociais e nos sites de buscas

Se após tudo o que vivenciamos ano passado, você ainda não se convenceu da importância de estar na internet, você está deixando dinheiro na mesa. O mundo está vivendo o maior boom digital e amadurecimento do mercado, será cada vez mais difícil conseguir se estabelecer aqui de forma amadora devido aos concorrentes.  

Houve um grande aumento do número de e-commerce, além da receita que gerou para as empresas só com o digital em meio a uma crise. Mas, antes mesmo da pandemia do coronavírus, toda a consciência que faz o consumidor atual ser cada vez mais exigente, veio do advento da tecnologia e internet. Que facilita suas pesquisas, seja pelo feedback dos concorrentes, pelo conteúdo que é gerado, pela credibilidade na rede ou pela análise dos concorrentes e dos preços

 

  • Fique evidente e se destaque

Você pode ter a melhor entrega do seu nicho, porém se você não estiver evidente, ninguém irá saber disso e não comprará de você. Por isso, busque investir em marketing digital como uma forma de obter mais alcance e mais visibilidade. Dessa forma, captar mais leads e converter mais em vendas. Já que ao mesmo tempo, em que as redes sociais servem para a descoberta, para a sua persona te encontrar. Ela, também, nutre os leads, os qualificando-os.

É bem mais barato que o marketing tradicional, você tem como mensurar tudo e ainda tem um alcance sem fronteiras geográficas. Podendo se comunicar com milhões de pessoas simultaneamente, de forma direta e personalizada.

 

  • Entregue com qualidade

Por mais que todas as empresas saibam da importância de um bom atendimento e acompanhamento do cliente por todo o seu processo de vendas. Pois não adianta você se apresentar muito bem e não ter uma boa entrega, o atendimento faz parte da experiência de marca. Além de gerar confiança e estreitar o relacionamento com o cliente. E um dos responsáveis por fidelizar os clientes, ao mostrar que há uma preocupação com o cliente em todas as etapas. Principalmente, quando o contato com o cliente é no pós-venda. 

Um outro ponto importante, o atendimento é uma forma muito eficaz de colher informações estratégicas e importantes do cliente que podem ser utilizadas em todas as outras etapas. Do planejamento de marketing ao processo de vendas. Para isso, é essencial contar com um sistema de CRM eficiente, que trabalhe com inteligência artificial

Sistema de CRM como os da Chat2Desk, que possuem chatbots, auxiliando o atendimento, já que possuem atendimento híbrido. Ou seja, nos casos mais simples, os próprios chatbots fazem o atendimento, já nos casos mais complexos, o atendimento é humano. Além de agilizar o atendimento, não deixando o cliente em fila de espera nem sem resposta.

No caso, por exemplo, da Chat2Desk, o atendimento é 24 horas por dia, ininterrupto. E ainda, recolhe e organiza as informações dos clientes, fazendo com que a máquina se torne cada vez mais inteligente com relação ao comportamento do consumidor. Geram relatório de performance e dados que podem contribuir ainda mais, com informações estratégicas e direcionadas sobre os clientes de acordo com a sua jornada de compra.

 

6 dicas de vendas para atrair clientes 1

 

A Chat2desk

© Chat2Desk Brasil – CNPJ: 31081317000123
Política de privacidade
Termos

Horário de atendimento: Segunda à sexta-feira, das 08:00 às 18:00. Sábados e Domingos das 08:00 às 12:00. Suporte 24h em Inglês.