Pular para o conteúdo

Gestão de vendas: o mercado digital no pós pandemia

O mundo do comércio passou por inúmeras mudanças durante os anos, mas o cenário da pandemia do COVID-19 acelerou muitas tendências, sobretudo com relação ao mercado digital. São estratégias que demandam a nossa atenção no mundo pós pandemia para que empresas mantenham a relevância.

Com a crise devido ao coronavírus, o comportamento de compra dos consumidores mudou drasticamente, especialmente com o crescimento significativo das vendas online. Para entender melhor como funcionará a gestão de vendas no pós pandemia, elaboramos um conteúdo completo para você, confira abaixo!

 

Estratégias pós pandemia

No mundo pós pandemia, algumas tendências com relação às estratégias de vendas, sobretudo no mercado digital, estão entrando em maturação e esse processo irá se intensificar, como: vendas online, automação de processos e personalização do atendimento ao cliente.

Mercado digital

A pandemia acabou acelerando uma tendência que vinha caminhando a passos lentos: a necessidade de negócios digitais. Mesmo com a abertura das lojas físicas retornando o aumento do número de vendas nas estratégias pós-pandemia, o mercado digital ganhou relevância, se mostrou necessário, eficaz e pode ser responsável por impulsionar o crescimento dos investimentos das marcas em sua presença digital. Após um ano de home office, muitas empresas se adaptaram bem, tornando esse formato de trabalho, também, uma tendência, pois viram muitos pontos positivos. Além dos colaboradores terem mais tempo com suas famílias, por conta do tempo de locomoção. Há uma redução de gastos que demandam um estabelecimento físico.

 

Propósito das marcas

A Covid-19 levou as pessoas a uma situação extrema e fez com que muitas delas repensassem a respeito de prioridades e como consomem. Portanto, é possível prever que os consumidores irão estar cada vez mais atentos, sendo uma das fortes tendências as marcas terem propósitos sólidos e se mostrarem mais humanas. E mais exigentes com relação às suas compras, comprando apenas o necessário.

Exigindo das marcas, cada vez mais, aprimoramento em todos os processos, estar cada vez mais perto do seu cliente e entregar o melhor para se manter competitiva.

Posicionamentos acerca das questões sociais, políticas e ambientais e outras vivências demonstradas pela empresa, também, são tendências que farão total diferença na hora do cliente adquirir um produto ou serviço. Principalmente na forma como a empresa se comunica com o seu público e o quanto está presente na vida dos seus clientes.

Estratégias de redução de custos e investimento no mercado digital

As estratégias no pós-pandemia envolvem repensar os modelos de negócio, e buscar uma adaptação para as tendências de mercado no ambiente da venda. A comunicação, o aprimoramento do produto e as reduções de custos serão necessárias, nesse momento. Com objetivo de estruturar o negócio e investir em outras frentes dessa nova realidade ou ampliar margens lucrativas. Para uma maior saúde financeira das empresas, o principal é investir em coleta e análise de dados para que se tome decisões mais assertivas sobre as operações.

O mercado digital no mundo pós pandemia é uma tendência crescente
O mercado digital no mundo pós pandemia é uma tendência crescente

 

Atenção a jornada do cliente

Aqueles profissionais que não se atentaram de forma obsessiva aos detalhes relacionados à jornada do cliente provavelmente vão perder muitas oportunidades. Os clientes vão esperar por uma empresa que esteja se comunicando, o tempo todo, em todos os canais do mercado digital, informando sua audiência sobre o seu processo produtivo e sobre seus bastidores. Além de uma personalidade de marca e posicionamento forte, é preciso oferecer algum diferencial ao cliente, que outras concorrentes não oferecem.

Por esse motivo e por conta das novas tendências do mercado digital, o foco deve estar voltado em cuidar da jornada desse cliente, percebendo pontos de interação com o cliente e como ligá-lo ao produto e/ou serviço. Sendo assim, os profissionais responsáveis pelos setores de vendas e de marketing precisam atuar diretamente para potencializar experiências memoráveis. Facilitando ao máximo a vida do seu cliente e, ao mesmo tempo, eliminando interações e situações frustrantes.

 

Como melhorar a análise do cliente?

Empresas visionárias já passaram a estruturar suas estratégias de relacionamento com o cliente, com base em dados para entender detalhes sobre a jornada de compra dos consumidores atuais. Como suas preferências mudaram, demandas frequentes nesse novo mundo e formas de atendê-las da maior maneira possível.

 

Impactos duradouros da pandemia

Muitas empresas vão perceber que investem financeiramente em recursos que no pós pandemia não irão ter mais utilidade alguma. E esses investimentos serão necessários para novas demandas, sobretudo com relação a comunicação e logística. Tempos gastos com deslocamento, trânsitos, salas de espera não farão mais sentido. 

Hoje, sabemos que reuniões de um dia inteiro de trabalho dedicado podem ser feitas virtualmente ou até mesmo resumido em um email, numa manhã ou numa tarde. O mercado digital otimiza até mesmo os processos internos das empresas. Tornando o expediente mais produtivo, pois terá o resto do dia disponível para outras atividades.

Muitos cuidados pessoais e de higiene irão permanecer, talvez com menos intensidade do que durante a pandemia ou atualmente. Mas será preciso que os estabelecimentos físicos façam inúmeras mudanças para se adequar às exigências dos órgãos de saúde atual.  Pois haverá uma atenção maior para questões como higiene pessoal e cuidados em lugares públicos, transportes coletivos ou restaurantes. Ou em ocasiões que forneçam algum tipo de risco de contágio devido ao contato com outras pessoas ou aglomerações.

 

Mudança nas organizações

Com a otimização da comunicação e o oceano azul que é o mercado digital, será possível construir organizações saudáveis e que se adaptem bem a essa nova realidade. Afinal, quando há um acolhimento ao cliente, tem uma solução completa, que acaba com o seu problema, é possível que o consumidor termine a compra fidelizado pela marca.

Além disso, as empresas devem analisar se os investimentos no mundo pós pandêmico estão voltados para as reais necessidades atuais, para não perderem capital em atividades desnecessárias.

Investir na criação de uma nova cultura organizacional para aprimorar o trabalho e a produtividade da sua equipe que, hoje, vive de forma remota. Escolher bons sistemas que garantam a segurança e otimizem os processos, já que o acompanhamento da equipe pelo mercado digital é diferente do físico. Além de ter novas técnicas de manter a equipe motivada e unida.

É importante, também, nesse momento de alta do mercado digital, ter um olhar voltado para o caixa da empresa, buscar formas de economizar. Já que estamos vivendo uma crise financeira e sanitária onde tudo ainda é muito novo. E ainda não se sabe como será o terreno de retomada da economia em um novo ambiente de compra e quem irá se sair à frente. Devido a novos processos e habilidades a serem desenvolvidas para muitas marcas.

Uma forma de economizar e, ao mesmo tempo, investir nas necessidades do mercado digital é ter um bom sistema de CRM integrado, como os da Chat2Desk, que funciona 24h por dia e 7 dias por semana. De comunicação híbrida, que tenha inteligência artificial e machine learning otimizando a coleta e uso dos dados de forma inteligente. Além de elaborar relatórios de performance para fins estratégicos.

Gestão de vendas: o mercado digital no pós pandemia 1